COTIDIANO

Secretário de Tierra Del Fuego sinaliza convênio de cooperação com PTI

A província da Argentina quer transformar o parque industrial que possuem em um parque científico e tecnológico e, para isso, estão conhecendo o modelo do PTI

Foz do Iguaçu, Paraná
Convênio | 21/02/2017 18h15

Secretário de Tierra Del Fuego sinaliza convênio de cooperação com PTI (Foto: Divulgação/ Assessoria )

Depois de passar um dia no PTI, onde conheceu as instalações e os projetos desenvolvidos, o secretário de Investimento e Desenvolvimento de Tierra Del Fuego, Leonardo Zara, afirmou estar contente com o que viu e ressaltou a necessidade de que mais países se comprometam com essas iniciativas. A província da Argentina quer transformar o parque industrial que possuem em um parque científico e tecnológico e, para isso, estão conhecendo o modelo do PTI.

A intenção é que seja feito um convênio de cooperação para a troca de conhecimento e o intercâmbio de estudantes, professores e técnicos entre o Parque e Tierra Del Fuego e, após a visita realizada nessa segunda-feira (20), uma agenda em comum deve ser estabelecida, envolvendo atividades como as de educação, pesquisa e turismo.

Zara explicou que o Parque Industrial da província funciona aos moldes da Zona Franca de Manaus, e lá são produzidos produtos como celulares, televisores e notebooks. A província tem duas universidades importantes: Universidad Tecnologia Nacional (UTN) e Universidad Nacional de Tierra del Fuego (UNTDF), e tem o objetivo de promover o conhecimento especializado (know how) desses estudantes com a transformação do parque industrial em um Parque Científico e Tecnológico.

Zara admirou a diversidade de culturas que convivem no PTI. “Cruzamos com gente de Nicarágua, Cuba, do Peru, da Argentina. Tive a boa impressão de que podemos trabalhar em conjunto com um projeto similar na Argentina”, disse. “Temos explorado outras alianças estratégicas, mas o mais avançado que temos é este trabalho que estamos avançando com o PTI. Sei que seguramente vai funcionar”, declarou Zara. “Assim como o PTI tem uma grande presença na região de Foz do Iguaçu, nós queremos um parque tecnológico que esteja intimamente relacionado às necessidades que têm a população de Tierra Del Fuego”. 

Com informações de Assessoria


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp