COTIDIANO

Bombeiros de Marechal Rondon estão em alerta máximo para o risco de incêndios em função da estiagem

Em julho já foram 16 casos de incêndio

Mal. Cândido Rondon, Guaíra
Seca | 27/07/2017 13h17

Todos os dias, enquanto durar a estiagem, além da guarnição normal, três soldados estarão fazendo escala extra no horário das 8 as 22 horas (Foto: Cristine Kempp/AquiAgora.net )

A estiagem durante o mês de julho e as geadas registradas na última semana estão causando inúmeros focos de incêndio em Marechal Cândido Rondon  e região. O Corpo de Bombeiros da cidade está em alerta máximo e pede a colaboração da população.

Em 2016 foram registrados 78 incêndios na região de atuação da corporação de Marechal Cândido Rondon; em 2017 já aconteceram 59. Somente em julho foram 16 casos, deste quatro foram registados nos últimos cinco dias. Estes dados preocupantes aliados as condições climáticas motivaram por parte do Capitão Zajac, comandante do Corpo de Bombeiros de Marechal Cândido Rondon, a realização de escalas extras da equipe para atender situações emergenciais.

Todos os dias, enquanto durar a estiagem, além da guarnição normal, três bombeiros estarão  fazendo escala extra no horário das 8 as 22 horas (período onde tem se registrado maiores índices de incêndios). Fora deste horário, uma equipe também estará  de sobre aviso para qualquer emergência.

Mas além disto é necessária a colaboração da população, salienta o Capitão Zajac. Queimadas de lixos e folhas não devem ser realizadas, pois o clima seco e o vento podem causar incêndios de grandes proporções. Bitucas de cigarros também devem ser descartadas com o maior cuidado possível.

Na terça-feira (25), uma equipe de Marechal Cândido Rondon precisou se deslocar para dar apoio à guarnição de Guaíra onde num mesmo dia foram registrados oito incêndios que totalizaram uma área queimada de 60 mil metros quadrados. Ontem (26) forma mais 20 mil metros queimados durante incêndios.


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp