COTIDIANO

Definidos os cinco nomes para a fase final do concurso da oncinha

O anúncio do nome vencedor será feito no dia 1º de agosto

Foz do Iguaçu
ITAIPU | 31/07/2017 15h12

Amora, Bela, Cacau, Gaia e Jade: um destes nomes será dado à oncinha do Refúgio Biológico Bela Vista (RBV), da Itaipu, em Foz do Iguaçu. A decisão final estará nas mãos dos internautas, que terão até as 17 horas (horário de Brasília) do dia 31 de julho para votar por meio do link https://goo.gl/forms/0qPnive9LF2cD1WB2. Após dez dias de votação, o anúncio do nome vencedor será feito no dia 1º de agosto.

Uma comissão julgadora se reuniu na tarde dessa quinta-feira (20), no Centro Executivo da Itaipu, e definiu os cinco nomes que seguirão na disputa.

A escolha dos finalistas foi feita a partir das sugestões postadas na publicação da campanha no Facebook da Itaipu Binacional. Foram recebidas mais de 1.300 sugestões, feitas por quase 3 mil participantes entre 27 de junho e 7 de julho.

As sugestões foram feitas por Aline Dias Pinheiro (Amora); Guilherme Wojciechowski (Bela); Meiriele Maria Ribeiro Minhuk (Cacau); Renata Thomazi (Gaia); e Grazielli Forteski Somavila (Jade). A regra previa que, em caso de sugestão duplicada, valeria a que foi postada primeiro (veja as demais regras abaixo). A partir de agora, cada um dos responsáveis pelos nomes selecionados poderá fazer sua campanha.

Os autores dos cinco nomes classificados serão contemplados com passeios nos atrativos turísticos de Foz do Iguaçu. O primeiro colocado também receberá um iPhone.

A pessoa responsável pelo nome premiado também ganhará o status de padrinho ou madrinha da nova onça. O batismo da oncinha, com a presença do ganhador ou da ganhadora do concurso, acontecerá no próximo mês. A data será definida.

Votação será exclusiva via formulário do Google

Nesta última etapa, a escolha popular será exclusivamente pelo formulário disponível no link https://goo.gl/forms/0qPnive9LF2cD1WB2. O nome mais votado será declarado o vencedor.

Não serão computados votos enviados em nenhuma outra plataforma (comentários no Facebook, mensagens inbox para as páginas da empresa ou e-mails para a Itaipu).

Comissão diversa

A triagem considerou a adequação a todas as regras do concurso. Depois de habilitados pela organização da campanha, os nomes foram repassados para a comissão julgadora. A equipe foi composta por sete pessoas que trabalham na Itaipu, em atividades e áreas diversas, e que, de alguma forma, estiveram próximas do filhote durante os seus primeiros seis meses de vida.

A comissão foi composta pela jovem do Programa de Iniciação e Incentivo ao Trabalho (PIIT) Ana Maura Sabiert de Castro, da Divisão de Educação Ambiental (MAPE.CD); pela monitora do Complexo Turístico Itaipu, Tainah de Souza Ferreira, que acompanha visitantes no zoológico do RBV; pelo vigilante Mauro de Oliveira, que trabalha nas trilhas do Refúgio e é fotógrafo amador dos animais; pelo tratador Delcy Alves de Oliveira, funcionário terceirizado no RBV há 25 anos; pelo veterinário Wanderlei de Moraes, da Divisão de Áreas Protegidas (MARP.CD), responsável pelo programa de reprodução das onças; pela jornalista Stela Guimarães, da Divisão de Imprensa de Itaipu (CSIM.GB), área responsável pela organização do concurso; e pelo diretor-geral brasileiro de Itaipu, Luiz Fernando Leone Vianna, visitador frequente do RBV.

Para análise dos nomes em guarani, a comissão organizadora contou com a ajuda da paraguaia Mirtha Alfonso Monges, arqueóloga do Museo Tierra Guaraní, de Itaipu.

Regras

A primeira etapa do concurso foi regida por sete regras principais, publicadas na postagem oficial da campanha no Facebook. O não cumprimento era eliminatório.

Os participantes tiveram que apresentar as sugestões exclusivamente por meio de comentários no post específico do concurso no Facebook. Os comentários tiveram que ser feitos dentro do prazo da campanha (das 9h29 de 27 de junho às 17h do dia 7 de julho, sempre no horário de Brasília).

O nome deveria ser em português ou em tupi-guarani. Um único perfil pôde sugerir mais de um nome e apresentar até três sugestões, no máximo. No caso de dois ou mais internautas terem sugerido o mesmo nome, valeu o comentário mais antigo.

As sugestões tiveram que ser feitas por meio do perfil pessoal do participante (não foram aceitas sugestões de páginas ou grupos) e em comentários em primeiro plano (e não em resposta a outros comentários).

Puderam participar do concurso apenas pessoas que residem no Brasil (todo o território nacional) ou na região de fronteira de Foz do Iguaçu (Argentina: Puerto Iguazu, Puerto Libertad, Puerto Esperanza e Wanda; e Paraguai: Ciudad del Este, Presidente Franco, Minga Guazú e Hernandárias).

Com informações de Assessoria


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp