COTIDIANO

Indignados com abandono, agricultores trancam estrada que liga Curvado a Novo Horizonte

Sabendo que manifestação aconteceria, administração municipal chegou a mandar as máquinas para o local nesta manhã, mas população dispensou “esmola”

Mal. Cândido Rondon
Protesto | 09/08/2017 13h41

(Foto: Cristine Kempp/AquiAgora.net )

Um grupo de agricultores resolveu trancar a estrada rural que liga Curvado a Novo Horizonte, no interior de Marechal Cândido Rondon, no início da tarde desta quarta-feira (09). É um protesto pelo abandono de muitos anos e não cumprimento de uma promessa recente de campanha. Ninguém consegue passar pela estrada, que foi trancada logo após as 13 horas e assim deverá permanecer até o final da tarde.

A estrada, de aproximadamente sete quilômetros, é muito utilizada por caminhões que cortam caminho para se deslocar entre as rodovias BR-163 (Rondon-Guaíra) e PR-467 (Rondon-Santa Helena). Em consequência do trânsito pesado, a via pública exige constante manutenção para manter as condições mínimas de trafegabilidade. Isto, segundo os agricultores, não vem sendo feito também pela administração do prefeito Márcio Rauber e, apesar das promessas de campanha, a situação só vem piorando.

O intenso movimento de trânsito pesado e a falta de manutenção, aliados ao longo período de estiagem, também provocam muita poeira na região, o que também tem irritado os moradores do trecho, que através de faixas e cartazes, demonstram que há mais de 38 anos estão "comendo poeira" e cansaram de ser enganados. Eles cobram uma solução e querem a pavimentação da estrada. Apenas um pequeno trecho tem pedras irregulares.

O manifesto vem sendo organizado há alguns dias e, coincidência ou não, justamente nesta quarta-feira pela manhã as máquinas da prefeitura apareceram para dar uma “amenizada” na situação. Mas, indignados, os agricultores não aceitaram a “esmola” e dispensaram o trabalho. A prefeitura acabou recolhendo os equipamentos.


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp