COTIDIANO

Grande público prestigia palestra sobre tendências climáticas e cenário econômico promovida pela Sicredi Aliança PR/SP

A Sicredi Aliança PR/SP tem em seu quadro social 5.077 associados que desenvolvem atividades ligadas ao agronegócio

Mal. Cândido Rondon, Entre Rios do Oeste, Mercedes, Quatro Pontes, Pato Bragado
PALESTRA | 23/08/2017 11h26

Grande público prestigia palestra sobre tendências climáticas e cenário econômico promovida pela Sicredi Aliança PR/SP. (Foto: Divulgação/ Assessoria )

Mais de 800 convidados participaram na noite de sexta-feira (18) junto ao Clube Concórdia em Marechal Cândido Rondon-PR da palestra “Tendências climáticas e cenário econômico”, organizada pela Sicredi Aliança PR/SP. As informações foram repassadas pelo Engenheiro Agrônomo João Antônio Lapolli que exerce a função de especialista em Agronegócios na Gerência de Análise Econômica do Banco Cooperativo Sicredi S/A, onde desenvolve as atividades de projeções de commodities agropecuárias e acompanhamento do cenário climático e seus riscos associados.

João Antônio Lapolli falou sobre as Perspectivas do Agronegócio para a safra 2017/2018, ressaltando que é importante o produtor conhecer o clima da sua região, visto que ele interfere no resultado final e na produtividade. “A quantidade do produto que o agricultor vai colher depende do clima que predominou durante o período de plantio a colheita. Outro ponto importante a se considerar são os aspectos demográficos que tem a ver com a população mundial e seu crescimento, no meio urbano ou rural e as demandas de consumo, conhecendo os tipos de alimentos mais consumidos. Por fim, o cenário econômico que se refere os preços. Estes três pontos estão extremamente interligados. Ao conhecê-los, o produtor fica melhor preparado e pode esperar resultados mais otimistas em suas atividades”, disse.

O Presidente da Sicredi Aliança PR/SP, Adolfo Rudolfo Freitag, ressalta que por meio de eventos como este a cooperativa busca estreitar o relacionamento e valorizar o homem do campo. “Esta foi a primeira vez que desenvolvemos um evento desta modalidade onde reunimos associados ligados ao agronegócio e demais convidados para conversar sobre agricultura, sobre o nosso clima e sobre o cenário econômico que estamos inseridos. A avaliação que tivemos é extremamente positiva. Comemoramos o sucesso do evento lembrando que tudo isso foi possível porque fizemos juntos com os nossos parceiros”, disse.

R$100 milhões em poupança

Ainda durante o evento, a cooperativa anunciou que alcançou a importante marca de R$100 milhões em poupança. “A cooperativa é uma grande engrenagem. O poupador aplica e nós conseguimos levantar recursos para atender os nossos associados agricultores através do crédito rural. A captação que acontece através da poupança tem reflexos lá na agricultura através do ciclo de crédito. Ao desenvolvermos o meio rural, ajudando os agricultores a investir e melhorar as suas atividades, atendendo as demandas dos associados, a cooperativa cumpre com o propósito de agregar renda e melhorar a qualidade de vida das pessoas”, finalizou o Presidente da Sicredi Aliança PR/SP, Adolfo Rudolfo Freitag.

Sicredi Aliança PR/SP

A Sicredi Aliança PR/SP tem em seu quadro social 5.077 associados que desenvolvem atividades ligadas ao agronegócio. Na Safra 2016/2017 a cooperativa teve 1.787 operações de custeio agropecuário onde mais de R$80 milhões foram liberados. Investimento com recursos próprios foram 19 operações e mais de R$2 milhões liberados. Em investimentos BNDES foram 210 operações e mais de R$24 milhões destinados. Isto quer dizer que somente no último ano/safra a cooperativa destinou mais de R$110 milhões em recursos para o desenvolvimento das atividades ligadas ao meio rural e para o atendimento das necessidades dos associados. A Sicredi Aliança PR/SP se destaca ainda no ranking das cooperativas em liberação de investimentos do BNDES, ocupando a primeira posição com tempo médio de 16 dias.

Parceiros

A palestra contou com o apoio da Copagril, Agrícola Horizonte, Cooatol, Sperafico, Emater, ATIMOP - Associação Técnica das Indústrias de Mandioca do Paraná, Sindicado Rural de Marechal Cândido Rondon, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, ATAMAR - Associação dos Técnicos Agrícolas de Marechal Cândido Rondon, CAPA - Centro de Apoio ao Pequeno Agricultor, GESOMA - Grupo de Estudos em Solos e Meio Ambiente – Unioeste, Associações Comerciais e Empresariais de Marechal Cândido Rondon, Guaíra, Pato Bragado, São José das Palmeiras, Mercedes, Quatro Pontes e Entre Rios do Oeste.

 

Com informações de Assessoria


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp