POLICIAL

Após invasão a capela, fugitivo da cadeia pede perdão a padre

Um dos ladrões deixou um recado em um crucifixo no altar: "me perdoa seu padre"

Paraná
arrependido | 08/10/2017 10h41

 

Segundo a Polícia Civil, cinco homens fugiram da cadeia da delegacia de Mandaguari, por meio de um buraco que fizeram na parede. Um deles foi recapturado pouco tempo depois, em Jandaia do Sul, e outros três foram detidos horas depois de invadirem e furtarem a Capela São João Batista, na Estrada Keller, em Marialva.

De acordo com a polícia, um dos presos permanecia foragido até a manhã deste domingo (8).

Um detalhe na história que chama a atenção foi o arrependimento de um dos ladrões que invadiu a capela. Conforme a polícia, o trio usou o local para tomar
banho e deixou o espaço revirado. Além disso, levaram uma toalha do altar e uma caixa de fogos de artifício. Diante do possível transtorno que a ação causaria à igreja, um dos ladrões deixou um recado em um crucifixo no altar: "me perdoa seu padre".

Os fugitivos foram presos depois que a polícia recebeu denúncias anônimas sobre homens suspeitos andando na região. A polícia montou um cerco na região da capela e conseguiu prendê-los por volta de meio-dia. Antes disso, os ladrões já tinham pedido comida em casas da área e estourado os fogos de artifício.


 

Com informações de O Diário.com


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp