POLICIAL

Servidor público é acusado de mutilar perna de cadela com roçadeira em Umuarama

ONG informou que o animal corre o risco de não sobreviver, pois perdeu muito sangue

Paraná
agressão | 08/11/2017 09h30

O caso gerou revolta em muitos internautas (Foto: Portal Voxnet )

A Sociedade de Amparo aos Animais de Umuarama (Saau) recolheu uma cadela que foi violentamente agredida e que terá uma perna amputada na manhã desta terça-feira (7).

A ONG informou que o animal corre o risco de não sobreviver, pois perdeu muito sangue.

O autor da agressão seria um funcionário da Prefeitura, que atua no setor de roçadas urbanas.

Segundo postagem na página da entidade, a cadela teria latido instintivamente para proteger suas duas crias, ao que o servidor reagiu com a roçadeira, ocasionando dois graves ferimentos no animal.

O caso gerou revolta em muitos internautas, que consideram que o funcionário extrapolou ao utilizar o aparelho ligado, mesmo que para se defender.

A Prefeitura informou que a situação está sob análise.

 

Com informações de Portal Voxnet


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp