COTIDIANO

Loja que vendia bonecas trans é fechada no Paraguai

Após denúncia de pais prefeitura da cidade determinou fechamento temporário e recolhimento dos brinquedos

Geral
MEDIDAS | 10/01/2018 08h06

A boneca foi tirada de circulação pelo movimento "pró família" por parecer perigosa para as crianças (Foto: ABC )

A Prefeitura de Cidade de Leste no Paraguai fechou uma loja, após a denúncia de que o estabelecimentos vendia bonecas trans nesta terça-feira (09). 

O brinquedo gerou a revolta de pais que defendem movimentos a favor da família tradicional. Eles afirmaram que a boneca apresentava roupas e traços femininos, mas que tinha algo parecido com órgão sexual masculino. 

A prefeita Sandra Zacarías destacou à imprensa que uma resolução no ano passado declarou a Cidade de Leste como "Cidade pela Vida e pela Família" em defesa de valores tradicionais e determinou que as bonecas fossem retiradas do mercado, sob ameaças precipitadas de sanções administrativas.

Também foi ordenado o fechamento temporário das instalações comerciais até que as disposições impostas sejam cumpridas. Segundo a mesma, a medida visa "proteger" crianças "contra o desempenho de qualquer atividade que possa ser perigosa", tirando então as bonecas de circulação por parecerem imensamente prejudiciais para a educação infantil. 

Com informações de ABC Color


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp