COTIDIANO

Mutirão de cadastramento para as casas populares em Marechal Rondon tem mudanças no atendimento

A partir de amanhã (13), os interessados podem continuar procurando o local para cadastramento, menos no horário de almoço

Mal. Cândido Rondon
CASAS POPULARES | 12/03/2018 17h58

Mutirão de cadastramento para as casas populares tem mudanças no atendimento (Foto: Assessoria )

Para atender as famílias rondonenses que desejam participar do programa habitacional disponível em Marechal Rondon, um mutirão de cadastramento foi iniciado no dia sete de março, no antigo Fórum, das 8 horas às 17 horas.

No entanto, após intensa procura nos primeiros dias, houve uma redução na busca pelo cadastramento. Sendo assim, a Secretaria Municipal de Assistência Social informa que hoje (12), é o último dia em que o atendimento no horário de almoço estará disponível. A partir de amanhã (13), os interessados podem continuar procurando o local para cadastramento, menos no horário de almoço.

Já a partir da próxima semana (19), o atendimento será realizado unicamente, na própria Secretaria de Assistência Social, no paço municipal.

Programa habitacional

Estão disponíveis duas formas de cadastramento no Minha Casa Minha Vida, via FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e a outra, pelo FAR (Fundo de Arrendamento Residencial). Pelo FGTS, serão construídas 370 moradias, sendo 274 casas e 96 apartamentos. Já pelo FAR, serão 100 casas.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Josiane Laborde Rauber, o ideal é que a mulher da família faça o cadastramento, portando os documentos pessoais de todos os integrantes da família, além dos comprovantes de residência e renda para efetivar o cadastro.

Interessados também podem se cadastrar de forma online, via site da Cohapar (www.portal.cohapar.pr.gov.br), processo de cadastramento este que foi explicado  na audiência pública, recentemente realizada no auditório Ecos da Liberdade.

As regras diferem de um programa para outro, conforme esclarecimento prestado na audiência pública. Em casos de dúvida, elas podem ser sanadas no ato do cadastramento no fórum ou via site da Cohapar.

Aqueles que já possuem cadastro para algum programa habitacional, deverão fazê-lo novamente.

O processo de escolha dos contemplados pelas moradias partirá da Cohapar e da Caixa Econômica Federal. A Assistência Social apenas auxiliará no processo de cadastramento dos interessados.

Com informações de Assessoria


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp