POLÍTICA

Paraná e Argentina reforçam interesse em ampliar intercâmbio

Fomento das relações comerciais e culturais foi assunto da reunião da governadora Cida Borghetti e o embaixador argentino Carlos Magariños

Paraná
comercio e cultura | 05/06/2018 08h21

Governadora Cida Borghetti recebe o embaixador da República Argentina no Brasil, Carlos Alfredo Magriños (Foto: Orlando Kissner )

A governadora Cida Borghetti recebeu nesta segunda-feira (04), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, o embaixador da Argentina no Brasil, Carlos Magariños. Cida destacou a oportunidade para discutir estratégias para fomentar o intercâmbio comercial e cultural do Paraná com o país vizinho. O chefe da sessão comercial da Embaixada da Argentina no Brasil, ministro Javier Dufourtquet, e o cônsul da Argentina em Curitiba, Pedro Ezequiel Marotta, participaram do encontro.

Para a governadora, é essencial manter o diálogo e trabalhar em conjunto. “Temos interesse em fortalecer cada vez mais as relações com a Argentina, um importante mercado, e atuar para ampliar o envio dos produtos paranaenses e argentinos para outros países”, afirmou Cida.

O embaixador Carlos Magariños lembrou que, entre os estados brasileiros, o Paraná é o principal parceiro comercial da Argentina. “Entre a Argentina e o Paraná são movimentados cerca de US$ 3 bilhões por ano, sendo 75% do setor automotivo”, informou o embaixador, Carlos Magariños.

Câmara de comércio

Para estimular negócios no setor da agroindústria e fomentar ainda mais o intercâmbio, empresários dos dois países estão formando uma câmara de comércio em Curitiba. “São 30 anos de cooperação entre a Argentina e o Paraná e precisamos desenvolver novas estratégias e novos produtos”, afirmou o embaixador.

“A câmara de comércio tem o objetivo de fortalecer e trabalhar mais a favor das pequenas e médias empresas do setor agroindustrial e, sobretudo, conseguir que empresas brasileiras e argentinas trabalhem juntas para conquistar novos mercados”, disse Magariños.

A governadora também destacou a instalação da câmara de comércio como meio de fomentar o intercâmbio. “Essa união de esforços faz toda a diferença. O Paraná é 60% movido pelo agronegócio e podemos ampliar ainda mais a parceria nesse setor”, disse a governadora.

Com informações de Agência Estadual de Notícia


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp