POLICIAL

Traficante brasileiro ganha liberdade e será expulso do Paraguai

Souza foi capturado em agosto do ano passado em Cidade do Leste

Geral
liberdade | 08/01/2019 09h02

O ministro do Interior do Paraguai, Juan Ernesto Villamayor, anunciou nesta segunda-feira (07) a expulsão de Fabio Souza Dos Santos, ele estava preso em Assunção, no Paraguai.

Segundo os dados do governo paraguaio, o brasileiro é considerado um elo importante para o narcotráfico entre o Paraguai e o Brasil.

De acordo com o site Última Hora, o ministro Villamayor explicou, em uma coletiva de imprensa, que a medida foi ordenada depois que o juiz José Ariel Diarte decidiu libertá-lo neste fim de semana, depois de um pedido de revisão de medidas.

"Não podemos ter fugitivos internacionais dedicados ao narcotráfico no território nacional, sob a suposta ajuda de medidas substitutivas que são concedidas por juízes justos, que não são juízes naturais do fato", afirmou.

Souza foi capturado em agosto do ano passado em Cidade do Leste, departamento de Alto Paraná, durante uma operação. No entanto, devido a um alerta de um suposto perigo de fuga, ele foi transferido para a prisão na cidade de Encarnación, no Sul do Paraguai.

Existem vários membros de organizações criminosas brasileiras que já foram expulsos do Paraguai.

Entre eles Marcelo Pinheiro, também conhecido como Marcelo Piloto, que retornou ao país em 19 de novembro do ano passado.

O suposto traficante de drogas foi um dos principais líderes do Comando Vermelho e foi expulso do Paraguai depois de matar a jovem Lidia Meza Burgos no Grupo Especializado, em uma tentativa desesperada para evitar extradição para o Brasil.

Apenas três dias depois, o governo também ordenou a expulsão de Rovilho Alekis Barbosa, vulgo Bilão, suposto integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC).

Da mesma forma, em 17 de dezembro, três membros do PCC foram entregues às autoridades brasileiras: Adrián Alex de Lima, conhecido como Cabelo, Sidimar Cordeiro da Silva, também conhecido como Nei e Rafael Dos Santos, também conhecido como Punto 50.

Com informações de CATVE


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp