POLÍTICA

Juiz decreta prisão preventiva de vereador rondonense

O mandado de prisão foi emitido na tarde desta quarta-feira (06)

Mal. Cândido Rondon
prisão | 06/02/2019 15h25

Vereador Adelar Neumann (Foto: Cristiano Viteck )

O juiz da vara criminal de Marechal Cândido Rondon, Doutor Clairton Mario Spinassi, decretou na tarde desta quarta-feira (06) a prisão preventiva do vereador Adelar Neumann. Dessa forma, o vereador permanecerá preso.

O juiz já emitiu o mandado de prisão para que qualquer oficial de justiça ou autoridade policial possa fazer o cumprimento. Adelar segue detido na Delegacia de Polícia Civil de Marechal Rondon, desde segunda-feira (04), quando foi preso em flagrante.

Também na tarde desta quarta-feira (06) a Câmara de Vereadores emitiu uma nota oficial com relação ao caso:

NOTA OFICIAL

Em face dos fatos divulgados na imprensa envolvendo conduta do vereador Adelar Neumann, conforme determinam o Regimento Interno e o Código de Ética da Casa de Leis, a presidência do Poder Legislativo de Marechal Cândido Rondon informa que:

 - Irá instalar nos próximos dias Comissão de Ética Permanente, para o biênio 2019-2020, para apurar a conduta do vereador Adelar Neumann e eventuais atos que necessitem de averiguação por comprometerem a dignidade do Poder Legislativo no Município. As providências serão tomadas nos devidos termos da lei.

- Esta Comissão de Ética Permanente será composta por três vereadores, observando-se a proporcionalidade partidária e a indicação pelos respectivos líderes de bancada.

- A Mesa Diretiva assegura o direito à ampla defesa do vereador, sendo que a Comissão nomeada fará as diligências que entender necessárias para o esclarecimento dos fatos.

- Se concluir pela inexistência da infração, a Comissão determinará o arquivamento dos autos; em caso contrário, cujas conclusões dirão sobre a penalidade cabível, o relatório será encaminhado à Mesa Diretiva, que submeterá o caso ao Plenário, em sessão especialmente convocada para este fim.

Marechal Cândido Rondon, 06 de fevereiro de 2019.

 CLÁUDIO ROBERTO KOHLER

Presidente

Já o vereador Vanderlei Sauer protocolou no Poder Legislativo pedido para que a Mesa Diretiva da Câmara de Marechal Cândido Rondon instaure comissão processante para apurar atos do vereador Adelar Neumann.


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp