COTIDIANO

Horário brasileiro de verão termina neste final de semana

À meia-noite do dia 16, os relógios devem ser atrasados em uma hora

Geral
atenção | 11/02/2019 11h23

Início do horário foi tardio por causa das eleições em 2018 (Foto: Franklin de Freitas )

A 44ª edição do horário de verão brasileiro termina neste fim de semana, do dia 16 para 17 de fevereiro. À meia-noite do dia 16, os relógios devem ser atrasados em uma hora, voltando para 23 horas.

O horário de verão tem como objetivo reduzir a demanda por energia no sistema elétrico durante horário de pico, entre 18 e 21 horas. Antes do início da edição 2018/2019 a Copel estimava conseguir alívio de carga de 4,5% no consumo simultâneo de energia nesse horário.

Consumo de energia elétrica

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) prevê crescimento de 7% na demanda por energia elétrica ao Sistema Interligado Nacional (SIN), neste mês, em comparação com fevereiro do ano passado. A expansão será de 5,3 pontos percentuais em relação ao crescimento de 1,7% relativo a fevereiro do ano passado.

Lembrando as altas temperaturas verificadas em janeiro, que já levaram à quebra de cinco recordes de demanda de carga de energia ao SIN nas últimas três semanas. Entretanto, a expectativa é de que o crescimento de consumo não seja exagerado em relação às demandas de janeiro, até porque é possível que as temperaturas não fiquem tão altas em fevereiro quanto estiveram no mês passado.

Nas últimas três semanas, o país já bateu cinco recordes de demanda de energia ao Sistema Interligado Nacional. O último foi batido no dia 30 de janeiro, quando a demanda máxima do SIN chegou a 90.525 MW às 15h50. O recorde anterior, de 89.114 MW, foi batido no dia 23 de janeiro.

Com informações de Bem Paraná


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp