POLÍTICA

Convocado para Comissão de Ética, Arion dispara: “não irei tolerar corrupção”

Vereador foi convocado para integrar a Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon e afirmou que terá tolerância zero para atos de improbidade

Mal. Cândido Rondon
legislativo | 07/03/2019 18h26

Arion Nasihgil (Foto: Assessoria )

A Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon tem sido bastante movimentada nos últimos dias em razão dos recentes acontecimentos que inflamaram a política rondonense.

Há aproximadamente um mês, com a prisão do vereador Adelar Neumann, foram apresentadas perante a Câmara Municipal dois pedidos de providências em relação ao edil, um deles de autoria do vereador Vanderlei Sauer e outro de iniciativa popular. Ambos serão processados em conjunto perante a comissão, e deverão ter parecer submetido ao plenário da Casa de Leis, quando então se deliberará sobre o futuro político de Neumann, podendo ou não haver a sua cassação, conforme entendimento dos vereadores.

Outro acontecimento que gerou impacto nos trabalhos da comissão foi a apresentação, na última semana, de um pedido de providências protocolado pelo vereador Josoé Pedralli contra o também vereador Nilson Hachmann, o qual igualmente será deliberado e poderá ser levado ao plenário, visando da mesma forma decidir se alguma penalidade será aplicada à Nilson.

A Comissão de Ética e Decoro Parlamentar foi inicialmente composta pelos vereadores Josoé Pedralli, Adriano Cottica e Vanderlei Sauer, tendo como suplentes os vereadores Arion Nasihgil e Valdir Port. Entretanto, em relação ao primeiro processo, Sauer pediu seu afastamento por ter sido o autor do pedido de providências, o que poderia gerar a nulidade do procedimento. Em seu lugar, foi então convocado o primeiro suplente, Arion, para assumir os trabalhos.

Situação idêntica deve se repetir no procedimento envolvendo o vereador Nilson Hachmann. Por ter sido Pedralli quem apresentou a denúncia, ele deve se afastar das investigações, quando então será igualmente convocado o primeiro suplente da comissão.

Em entrevista, Arion Nasihgil reafirmou seu compromisso com o combate à corrupção, e garantiu à população rondonense que trabalhará firme para penalizar severamente quem praticou atos de improbidade com o dinheiro público.

O vereador afirmou ainda que precisará analisar as convocações, visando verificar se não há algum impedimento para sua assunção em ambos os casos, eis que também é advogado, entretanto, garantiu ele que independentemente de compor a comissão ou não, não irá tolerar qualquer desmando com o erário.

“Como vereador e, consequentemente, fiscalizador do dinheiro público, tenho a obrigação legal e moral de não tolerar qualquer tipo de corrupção, e esse é o meu modo de agir. Independentemente de estar nos quadros da Comissão de Ética e Decoro Parlamentar ou não, a minha atuação será semelhante: diligenciarei firme para investigar os casos em trâmite, participando ativamente dos trabalhos, permitindo, por óbvio, o constitucional direito ao contraditório e a ampla defesa por parte dos representados. Se houver qualquer mínimo indício de que algum colega vereador praticou um ato improbo, serei o primeiro a exigir profundas averiguações e, se comprovadas as denúncias, certamente votarei pela severa penalização do envolvido, inclusive pela cassação de seu mandato”, enfatizou Arion.

O vereador asseverou ainda que um dos lemas de sua atuação é a transparência e a verdade, não compactuando com nenhum desvio de conduta por parte de quem tem o dever de cuidar do patrimônio público. “Não tenho bandido de estimação. Qualquer agente político que praticar atos de corrupção, seja aliado ou opositor, terá a minha censura e meu empenho para que se afaste da vida pública e pague pelos danos que causou”, afirmou Arion. “Lugar de quem brinca com dinheiro público, do pagador de impostos, do contribuinte, não é nas cadeiras do Legislativo e muito menos do Executivo, mas sim na cadeia”, finalizou.

Com informações de Assessoria Vereador Arion Nasihgil


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp