COTIDIANO

Pato Bragado reforça ações de prevenção ao abuso e exploração sexual

O encerramento será na próxima terça-feira (28), no auditório da escola Municipal Marechal Deodoro

Pato Bragado
prevenção | 22/05/2019 15h37

Karin defendeu que a prevenção aos problemas do abuso e exploração sexual que são antigos e recorrentes, deve começar na infância com apoio dos pais (Foto: Marili Koehler )

A Secretaria de Assistência Social de Pato Bragado promoveu na noite de terça-feira (21), no centro cultural, nova ação em prol da proteção das crianças e adolescentes, alusiva a 18 de Maio, data que nacionalmente marca o combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.

Na oportunidade a assistente social, Karen Gleyce Fracaro Richardi, repassou orientações e cuidados que os pais, responsáveis e, principalmente, às crianças devem ter em relação ao abuso e exploração sexual.

Karen mencionou que o abuso e a exploração sexual são problemas antigos e recorrentes. “Já são 46 anos do caso Araceli, 30 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente, além de todas as discussões em busca de novas ações em defesa das nossas crianças e adolescentes”. Ela apontou que o caminho está na prevenção, ou seja, quanto mais cedo forem promovidas orientações às crianças, mais chance diminuir o índice de 92% dos casos de abuso, cometidos pelos próprios pais, avós e tios.

“Portanto, com tamanha liberdade nos dias atuais, falamos de tudo e a sexualidade também é um assunto que deve ser esclarecido, ou seja, dialogar, ensinar aos nossos filhos que ninguém pode tocar neles, uma vez que grande parte dos casos acontece no ambiente familiar, e sabendo diferenciar o que é carinho e abuso, se sentirão seguros para contar a um adulto responsável”, completou a palestrante.

No início dessa semana, o Creas e Conselho Tutelar realizaram panfletagem na Avenida Continental e repassaram informações sobre a temática que é de extrema importância para que a população tenha conhecimento, denuncie os casos, evite que tenham sequência ou que novos ocorram.

O encerramento será na próxima terça-feira (28), no auditório da escola Municipal Marechal Deodoro, com explanações sobre a temática de prevenção a violência sexual em crianças e adolescentes pela equipe do Creas, seguida de apresentação do grupo de teatro 4 Atos aos estudantes do período da manhã e tarde.

As ações do 18 de Maio contam com o apoio do Cras.

Além do Disk 100, em Pato Bragado os órgãos de denúncia são o Conselho Tutelar pelos fones (45) 3282-1590/98805-4334 e Creas pelo 98805-4927.

 

Com informações de Assessoria


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp