POLICIAL

Fábrica caseira de armas de fogo é fechada pela Polícia Militar no Paraná

Paraná
ilegal | 09/06/2019 09h24

Policiais Militares localizaram a fábrica caseira (Foto: Massa Newa )

Policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) e do 22º Batalhão de Polícia Militar apreenderam diversas armas de fogo, na sexta-feira (7), na cidade de Itaperuçu. A ação resultou na prisão de duas mulheres.

Os policiais receberam informações de que em uma casa funcionava uma fábrica e comércio artesanal de armas de fogo e munições. O Bope deslocou em apoio ao 22º BPM e, no local indicado, uma mulher autorizou a entrada dos policiais na residência e a equipe encontrou uma arma de fabricação caseira, de calibre 38, com uma luneta acoplada. A moça, que estava com a filha de dois anos, informou que havia mais armas em uma caixa em cima do armário da cozinha.

As equipes policiais encontraram mais três armas, sendo três pistoletes de tiro unitário, de calibre .22, de calibre .38 e de calibre .12. Também estava dentro da caixa uma munição, de calibre .28, deflagrada e três munições, de calibre .38, intactas. Na residência também foi localizado um protótipo de arma de fogo, que segundo o batalhão, serve como modelo para a fabricação e várias ferramentas.

A mulher assumiu a propriedade do material e informou que seu esposo não estava em casa e que precisava levar a sua filha até a casa da sogra. A avó da criança autorizou a entrada dos policiais militares e a equipe localizou mais duas armas de fogo, sendo uma espingarda, de calibre .28, e uma carabina, de calibre .38, além de três estojos de munição, de calibre .28, deflagradas, e oito munições, de calibre .38.

Diante disto, as duas mulheres foram encaminhadas, juntamente com o arsenal, à Delegacia de Polícia Civil de Rio Branco do Sul. A criança foi entregue ao Conselho Tutelar.

Com informações de Massa News


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp