POLÍTICA

Alto índice de acidentes com motos gera pedido de providências por vereadores em Marechal Rondon

Arion e mais seis vereadores cobram intensificação de campanhas e ações de prevenção a acidentes

Mal. Cândido Rondon
pedido | 28/06/2019 09h06

Vereador Arion Nasihgil (Foto: Assessoria )

Através de indicação assinada pelo vereador Arion Nasihgil em conjunto com os vereadores Claudio Köhler (Claudinho), Adelar Neumann, Adriano Backes, Adriano Cottica, Josoé Pedralli e Ronaldo Pohl, a Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon encaminhou esta semana para a prefeitura municipal um pedido de providências em razão do elevado número de acidentes envolvendo motocicletas na zona urbana do município.

De acordo com os vereadores, o pedido se faz necessário tendo em vista ser frequente nas ruas da cidade a ocorrência de acidentes de trânsito envolvendo motocicletas, os quais vão desde simples abalroamentos até graves episódios. Eles destacam que o número é crescente, sendo que os dados anualmente apresentados pela administração municipal e pela própria Polícia Militar corroboram o crescimento no número de casos envolvendo esta modalidade de transporte, até porque nos últimos dez anos a frota de veículos cresceu 53%, possuindo mais de 40 mil veículos registrados no município, sendo as motocicletas uma grande parte deles.

Os vereadores fundamentaram o pedido também em dados do Corpo de Bombeiros, segundo o qual apenas em 2018 houve o atendimento de 220 acidentes de trânsito abrangendo motocicletas em Marechal Cândido Rondon, o que, na opinião dos edis, representa a maioria esmagadora dos sinistros verificados, devendo ser lembrado que também existem acidentes onde não é acionado o SIATE e, portanto, não constam deste registro.

“Estes números causam bastante preocupação por parte desta Casa de Leis, tendo em vista que, além dos danos sofridos pelas vítimas destes acidentes – sendo a vida e a integridade física de cidadãos rondonenses as maiores preocupações destes vereadores –, há um grande reflexo no atendimento prestado pela saúde pública municipal, eis que uma parte considerável dos atendimentos realizados no âmbito local, especialmente através da UPA 24 Horas, é relacionada à acidentes de trânsito envolvendo motocicletas”, justificam.

Para Arion, autor da proposição, é preciso que a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana intensifique as campanhas e ações de prevenção a acidentes envolvendo motocicletas, eis que a ausência de campanhas ativas e de uma fiscalização mais rigorosa tem contribuído para que o número de acidentes não pare de crescer, o que precisa ser levado em consideração pela administração pública, que, segundo ele, tem o dever de cuidar da segurança e da integridade dos seus cidadãos.

Os sete vereadores lembram também que o número elevado de atendimentos prestados para vítimas de acidentes de trânsito gera para o município um custo bastante elevado, tanto financeiro como organizacional, tendo em vista que pacientes desta natureza costumam exigir internamento e longos tratamentos, além de afastamento de suas atividades laborais. “A aplicação de recursos em políticas públicas que tem como objetivo reduzir drasticamente o número de acidentes de trânsito em nosso município, especialmente aqueles envolvendo motos, é de fundamental importância, primeira e especialmente para a saúde dos nossos cidadãos, gerando com isso uma melhor qualidade de vida, mas também para uma melhor gestão do erário, tendo em vista que, com menos acidentes desta natureza, maiores poderão ser os investimentos na saúde pública em geral e um melhor atendimento poderá ser prestado para aqueles que necessitam das nossas unidades de saúde por motivos diversos”, finalizaram eles.

Com informações de Assessoria Vereador Arion Nasihgil


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp